sexta-feira, 29 de maio de 2009

Saudade....

"A saudade é uma tatuagem na alma.

Só nos livramos dela perdendo um pedaço de nós."


Tirar dentro do peito a Emoção, A lúcida verdade, o Sentimento! - E ser, depois de vir do coração, Um punhado de cinza esparso ao vento!... Sonhar um verso de alto pensamento, E puro como um ritmo de oração! - E ser, depois de vir do coração, O pó, o nada, o sonho dum momento... São assim ocos, rudes, os meus versos: Rimas perdidas, vendavais dispersos, Com que eu iludo os outros, com que minto! Quem me dera encontrar o verso puro, O verso altivo e forte, estranho e duro, Que dissesse, a chorar, isto que sinto!


O que dói é não poder apagar a tua ausência e repetir dia após dia os mesmos gestos. O que dói é o teu nome que ficou como mendigo descoberto em cada esquina dos meus versos. O que dói é tudo e mais aquilo que despeço ao tecer para ti novos regressos......









Um comentário: